Abril

Para o mês de abril não vou postar fotos, porque não exatamente conheci nenhum lugar novo, mas vivi experiências novas, que era, de fato, meu objetivo ao começar esse “projeto”.

Foi um mês meio corrido, teve aniversário de dois aninhos do meu priminho, casamento da minha prima-irmã, não tive muito tempo para outras coisas.

Mas nesse mês também fui a Niterói fazer uma prova e, pela primeira vez na vida, fui sozinha à praia. Parece algo tão simples e natural, mas para mim foi uma experiência tão diferente… Caminhar pela areia, focar só nos meus próprios pensamentos, sentar e observar o mar…

Sempre fui uma pessoa um pouco dependente, achava o máximo pessoas saindo, viajando e fazendo inúmeras coisas sozinhas, mas confesso nunca ter conseguido ser essa pessoa. Então, para mim, foi um grande passo. Um passo não só em direção à independência e ao amor próprio, mas principalmente um passo enorme em direção à liberdade… E de liberdade me refiro à liberdade em relação ao meu transtorno de ansiedade. Parece tão pouco, tão pequeno, mas só quem sofre de um transtorno e consegue ser muito maior que ele algum dia, vai entender o que eu estou dizendo.

Anúncios

Timidez

Esses dias li uma frase, que me fez pensar bastante sobre o assunto:
“Só quem é tímido sabe o que é querer mostrar ao mundo que é incrível e não conseguir…”
Ser tímido não é ser antissocial, não é ser mal educado, não é ser quieto e introvertido. Ser tímido não é só não ser falante ou ter vergonha em algumas situações. Acho que todo mundo que é tímido já ouviu “ah, eu também sou tímido” de alguém claramente não-tímido e se sentiu irritado. É porque todo mundo tem um pouco de timidez dentro de si… Até as pessoas mais extrovertidas e “caras de pau” têm seus momentos de timidez. Mas isso não a faz uma pessoa tímida, e eu entendo bem esse sentimento de “QUERIDO, PARA DE FALAR QUE É TÍMIDO! VOCÊ NÃO ENTENDE NADA SOBRE ISSO!!!” hahaha.
Ser tímido vai muito além de momentos de vergonha, é um jeito de ser. Com o tempo você pode até encontrar mecanismos pra driblar a timidez, pode melhorar em alguns aspectos, mas o tímido sempre vai ser tímido, não diz pra ele não ser. Você acha mesmo que a pessoa gosta de ficar vermelha toda vez que alguma coisa acontece? Acha mesmo que alguém escolhe ficar tão sem graça a ponto de chorar em determinada situação? Garanto que todo tímido daria tudo pra deixar de ser.

mensagens-para-pessoas-timidas-parte-2-7

Eu sei o que é travar completamente no meio de uma conversa, eu sei o que é entrar em pânico e não conseguir falar para muitas pessoas, eu sei o que é chorar no meio de um jantar porque não conseguiu segurar a timidez. E, como na frase que citei acima, eu sei o que é ter um mundo dentro de si e não conseguir colocar para fora, ter tantas ideias, vontades, inúmeras coisas para mostrar, mas simplesmente não conseguir fazer isso. Eu sei o que é ouvir que você não fala, que é antipático, que deveria ser diferente. Também sei o que é gostar de alguém e não conseguir demonstrar, as pessoas acharem que você não tem nenhum interesse por elas ou que simplesmente não se importa. Sei como é sentir demais, se importar demais, mas isso ficar entalado dentro de si.
A timidez já me fez travar, me desesperar, ter vontade de sumir. Já me fez desistir de coisas importantes, me sentir impotente e triste por não conseguir mostrar que existem qualidades aqui dentro. Mas aprendi a falar com os olhos, com o sorriso, com pequenos gestos. Aprendi que a maioria dos indivíduos que irão passar pela minha vida não irão saber nem um décimo sobre mim. Aprendi que é preciso paciência por parte das outras pessoas para ver o que carrego aqui dentro, e quase ninguém tem. Mas aqueles que têm são os que importam de verdade. Aqueles que não querem só passar conseguem quebrar medos, muros, inseguranças. Conseguem conhecer quem eu sou de verdade.

Março

Nunca mais postei sobre os lugares novos que andei conhecendo, mas mexendo no meu google fotos hoje, deu vontade de continuar postando aqui!

No ano novo prometi conhecer algum lugarzinho diferente todo mês e falei sobre os que conheci em janeiro e fevereiro nos respectivos links.

Em março conheci a Toca do Coelho, uma pousada localizada na Serra do Funil. Não precisa estar hospedado para ir, sendo cobrado um valor de R$5,00 para visitação.

 

De lá fazem parte as cachoeiras Espinheira Santa, Quatro Quedas, Mundinho e Toca do Coelho.

As distâncias em relação a algumas cidades: Valença RJ: 45 km, Juiz de Fora MG: 108 km, Rio de Janeiro: 190 km, Belo Horizonte: 370 km e São Paulo: 360 km.

Seja luz

Seja luz. Faça o bem. Crie empatia. Cumprimente o motorista e o trocador, caso ande de ônibus. Sorria para seus funcionários, caso os tenha. Pense antes de falar. Pare e reflita: o que eu vou dizer, eu gostaria de ouvir? Se a resposta for não, não diga. Escute mais as pessoas. Entenda que cada um tem sua própria dor. Não ache seus problemas maiores do que os dos outros, cada um tem uma força diferente dentro de si. Não julgue, você não sabe como foi e como é a vida daquela pessoa, você não sabe as batalhas que ela já enfrentou. Não critique. Não humilhe. Pense, também: o que eu vou dizer, caso não seja algo positivo, é única e exclusivamente para ajudar? Se eu NÃO disser, vai prejudicar alguém? Se for sim, tudo bem. Caso contrário, não diga. Pense mais no próximo, se coloque no lugar do outro, não se ache melhor do que ninguém, porque você não é. Cuide de você e de sua vida, cuide para ser feliz de verdade, porque pessoas felizes de verdade não perdem seu tempo com a vida dos outros. Como disse algum autor desconhecido, “seja luz, porque fazendo sombra já existem pessoas demais”.

36456307_2145345989017773_2059624714661265408_n

Fevereiro

Não, não estou louca; sei que estamos em maio! hahaha

Não gosto de fazer muitas promessas no ano novo, mas esse ano fiz a de me esforçar o máximo possível para conhecer algum lugar novo todo mês e estou cumprindo até agora, só que não estava postando! A de janeiro vocês podem ver aqui e entender um pouquinho melhor essa minha ideia.

Em Fevereiro eu comecei a fazer outra faculdade e conheci Piraí, uma cidade muito bonitinha do interior do Rio de Janeiro.

Mas fevereito também teve Carnavaaal e eu viajei para Paraty (RJ) com uma amiga. Já conhecia a cidade, mas fizemos um passeio de barco pelas praias/ilhas que eu não conhecia e só digo uma coisa: conheçam esse lugar. 

Quem gosta de um carnaval de rua mais tranquilo, com bloquinhos e com uma vibe mais “família”, indico muito! Já passei três carnavais na cidade e de todos os lugares que já fui é o que mais gosto, porque dá pra dançar, pra curtir bloco, curtir praia, numa cidade encantadora.

E além de tudo, vivi uma experiência que nunca tinha experimentado: ficar em um hostel. E foi a melhor escolha que fizemos! Além do preço ser mais acessível, a experiência é mesmo única. Conhecemos pessoas de diferentes nacionalidades, brasileiros super animados e com histórias maravilhosas pra compartilhar, companhias incríveis para o nosso Carnaval, pessoas magníficas!

 

Nós ficamos no Hostel Carpe Diem (reservamos pelo booking) e super indico! É do lado da rodoviária, de restaurante baratinho, de mercado… E super perto do Centro Histórico, dá pra andar tudo a pé (nem tínhamos carro, foi tudo a pé mesmo).

 

 

 

Sei que depois de tantas decepções é difícil reacreditar no amor. Sei que não é fácil entender que não vou embora. Sei que quando digo que quero ficar com você, seu sorriso mostra o que seu coração sente, mas seu olhar vago mostra o que sua cabeça pensa. Não posso prometer curar todas as suas feridas, mas posso prometer cuidar de cada uma delas. Não posso prometer te fazer sempre feliz, mas posso fazer tudo o que estiver ao meu alcance para te arrancar risadas sinceras. Não posso dizer que nossa vida será perfeita, mas posso dizer que vou lutar todos os dias por você. E com você. Não deixe o seu passado estragar o que ainda poderemos viver. Não deixe as frustrações fazerem com que seu coração se feche para sentimentos que podem sim existir. Me dê sua mão, sem se preocupar com o que está por vir. Só venha e vamos descobrir juntos o que de mais lindo a vida tem para nos proporcionar…

desenhos-de-casais-para-colorir-desenhos-para-colorir-colorir-tumblr-desenhos-romanticos-de-casal-para-colorir.jpg

Confesso que é estranho não sentir a sua falta. Não com a mesma intensidade de sempre, pelo menos. Certo dia do finalzinho de 2017 decidi não mais te procurar. Resolvi não desejar Feliz Natal como sempre fiz nos últimos quase 12 anos. Também não escrevi um textinho dizendo o quanto queria que seu 2018 fosse incrível nem te procurei depois para saber se estava tudo bem com você. E sabe o que é mais estranho? Hoje, passando pelo facebook e vendo uma postagem sua, que me dei conta que te deixei no passado… Parei por uns momentos ali, para ver se eu teria vontade de chorar, mas não. Também nem sei se ainda tenho seu número no celular, porque não mais abri sua conversa com vontade de mandar um oi (e de fato mandar, né… você sabe que nunca consegui controlar quando eu realmente queria falar com você). E estou escrevendo esse texto não como um “adeus” como já fiz antes e muito menos para provar alguma coisa. Na verdade, escrevo sem saber do dia de amanhã… Sem saber se hora ou outra você vai aparecer e eu vou te acolher como sempre fiz… Sem saber se em um dia de crise de existencial eu realmente vou ligar para outra pessoa e não para você… Única coisa que sei é que, hoje, me sinto bem em não ter você aqui .